Condenação de Temer pela Justiça Eleitoral indica ‘perigosa farsa’ das elites, diz Intercept

07.06.2016
Do portal OPERA MUNDI, 03/06/16
Por Redação | São Paulo

A condenação de Michel Temer pela Justiça Eleitoral indica a “perigosa farsa” de setores da elite brasileira no processo de impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff, aponta um artigo publicado no site The Intercept nesta sexta-feira (03/06).

Nesta quinta, TRE-SP enviou à zona eleitoral do presidente em exercício uma certidão que atesta sua inelegibilidade pelos próximos oito anos

Segundo artigo do Intercept, condenação do presidente em exercício Michel Temer pela Justiça Eleitoral indica “perigosa farsa” das elites

O texto, assinado pelo jornalista Glenn Greenwal e intitulado “O Colapso de Credibilidade do Michel Temer – Agora Inelegível Por Oito Anos”, afirma que desde o início do processo ficou “evidente” que seu principal objetivo era o “fortalecimento dos verdadeiros ladrões de Brasília”, que tentavam impedir as investigações da Operação Lava Jato.

Segundo o artigo, em 20 dias de governo Temer vieram à tona “provas irrefutáveis” do envolvimento do presidente interino em casos de corrupção, que já levaram ao afastamento de dois de seus ministros.

Greenwald escreveu que o “alarmante nível de corrupção” dos ministros tem servido para encobrir o envolvimento do próprio Temer em investigações. Um exemplo, de acordo com o artigo, foi sua condenação como candidato inelegível pela Justiça.

Nesta quinta-feira (02/06), o TRE (Tribunal Regional Eleitoral) de São Paulo enviou à zona eleitoral do presidente em exercício uma certidão para constar no sistema da Justiça que Temer, pelos próximo oito anos, é um candidato “ficha suja”.

Para a publicação, as violações da lei não são a transgressão mais grave do presidente em exercício, mas “revelam de forma evidente a fraude antidemocrática que a elite brasileira tenta perpetrar no país”.

EUA sacrificam último cão que participou de buscas e resgates durante 11 de setembro
Corte da UE: cidadãos não europeus não podem ser presos por entrar ilegalmente na zona Schengen.

Com superdelegados, Hillary alcança mínimo para ganhar indicação democrata, diz agência.

“Em nome da corrupção, a presidenta eleita democraticamente foi afastada e substituída por alguém que, apesar de não estar impedido por lei de assumir cargos públicos, encontra-se por oito anos impedido de se candidatar ao cargo que exerce no momento”, diz The Intercept.

De acordo com o texto, “nada explica melhor a perigosa farsa que as elites brasileiras tentam impor à população do que o líder por eles escolhido ser impedido de se candidatar ao cargo que acabou de assumir, devido a uma condenação judicial”.

O artigo aponta também que o impeachment de Dilma, apesar de ainda provável, não parece mais completamente inevitável, como há algumas semanas, e que alguns senaodores estariam revendo seus votos no processo.

Na publicação, Greenwald afirma que “a hostilidade a esse ataque à democracia” cresce no Brasil e no exterior, assim como os protestos contra o governo interino, e cita iniciativas, como a de parlamentares europeus, de não negociar comercialmente com o Mercosul por considerar o governo Temer ilegítimo.

Segundo The Intercept, “não se trata apenas da destruição da democracia” ou da “imposição de uma agenda de privatizações e ataque aos pobres para benefício da plutocracia internacional”, mas do “fortalecimento de operadores corruptos – desrespeitando as regras democráticas – cinicamente conduzido em nome da luta contra a corrupção”.

*****
Fonte:http://operamundi.uol.com.br/conteudo/noticias/44348/condenacao+de+temer+pela+justica+eleitoral+indica+perigosa+farsa+das+elites+diz+intercept+.shtml

Anúncios

Um comentário sobre “Condenação de Temer pela Justiça Eleitoral indica ‘perigosa farsa’ das elites, diz Intercept

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s