MACHADO QUER DETALHAR MENSALÃO QUE ELEGEU AÉCIO PRESIDENTE DA CÂMARA

19.07.2016
Do portal BRASIL247,17.07.16

:

O ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado deverá entregar à PGR uma lista com os 50 nomes dos deputados federais para quem diz ter arrecadado dinheiro de campanha em 1998, em troca de voto para eleger o hoje senador Aécio Neves à Presidência da Câmara em 2001

247 – O ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado deverá entregar à Procuradoria Geral da República um complemento à sua delação premiada no âmbito da Operação Lava Jato.

No complemento haverá uma lista com os 50 nomes dos deputados federais para quem Machado diz ter arrecadado dinheiro de campanha em 1998, em troca de voto para eleger o hoje senador Aécio Neves à Presidência da Câmara em 2001. A informação é do colunista Lauro Jardim, do Globo.

Em junho desse ano, veio à tona a delação de Machado em que diz que o senador tucano, um dos principais defensores do impeachment de Dilma Rousseff, teria recebido R$ 1 milhão em dinheiro de um fundo criado por ele junto com Machado e o então presidente do PSDB, senador Teotonio Vilela, a fim de financiar a bancada tucana na Câmara e no Senado.

O plano era “eleger a maior bancada federal possível na Câmara para que pudessem viabilizar a candidatura de Aécio Neves à presidência da Casa no ano 2000”. A maior parcela dos cerca de R$ 7 milhões arrecadados foi para Aécio, segundo Machado (leia mais).
*****
Fonte:http://www.brasil247.com/pt/247/minas247/244399/Machado-quer-detalhar-mensal%C3%A3o-que-elegeu-A%C3%A9cio-presidente-da-C%C3%A2mara.htm

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s