O aceno de Doria aos ciclistas é estelionato eleitoral em cima dos coxinhas

10.10.2016
Do blog DIÁRIO DO CENTRO DO MUNDO
Postado por  Mauro Donato

FR12 SÃO PAULO - SP - 09/10/2016 - NACIONAL - EXCLUSIVO EMBARGADO - JOÃO DORIA - O prefeito eleito pelo PSDB na cidade de São Paulo, João Doria anda de bicicleta na ciclo faixa da Faria Lima sentido Largo da Batata. FOTO: FELIPE RAU/ESTADÃOO prefeito eleito pelo PSDB na cidade de São Paulo, João Doria anda de bicicleta na ciclo faixa da Faria Lima sentido Largo da Batata. FOTO: FELIPE RAU/ESTADÃO

Durante toda a campanha, o futuro prefeito João Doria falou que na primeira semana de sua gestão iria reverter as velocidades em avenidas e marginais implantadas por Fernando Haddad.

Tão logo foi declarado vencedor, seus eleitores fascistinhas agrediram um ciclista na avenida Paulista o que fez com que na noite seguinte um grande numero de adeptos do pedal foi para a frente de sua mansão no Jardim Europa protestar.

Assustado com a vida real fora dos vidros blindados e com a recente invasão de hackers no site de sua mulher, Doria resolveu pedalar na avenida Faria Lima neste domingo. Ergueu uma bandeira branca.

Junto a um grupo de cicloativistas, João Doria disse irá manter a velocidade máxima em 50 km/h.

Rendição, tomada de consciência, lobo-em-pele-de-cordeiro ou estelionato? A república do cashmere jogado nos ombros não irá cobrá-lo? Dilma foi crucificada por ‘traição’. E Doria, não está traindo quem votou nele? Vão bater panela ou o que?

As reduções de velocidade só trouxeram benefícios em termos de número de acidentes, mortes e congestionamento e ainda alguma civilidade ao trânsito. Experimente pedalar com carros a 50 km/h a seu lado e depois com motoristas velozes e furiosos à solta e constate a diferença.

O prefeito do ano que vem acerta ao acenar com a repensada. Um trânsito menos assassino passa pela obediência a regras e limites de velocidade compatíveis com os vários modais de transporte que trafegam numa cidade grande. O carro não é o único meio nem o dono das ruas. Motoristas precisam aprender isso.

“Conversamos com ele por uma hora e ele pareceu disposto a entender nossa realidade. Foi um bate-papo informal, mas ele falou de uma maneira mais suave a respeito da eliminação de ciclovias e disse que, assim que for montada, colocará sua equipe de transição em contato conosco para discutir melhor o assunto”, disse Willian Cruz, do Vá de Bike.

Aos ciclistas, João Doria ainda mencionou a possibilidade de exigir uma contrapartida de empresas que queiram colocar propaganda em uma ciclovia. Elas precisariam se incumbir da manutenção.

Ok, perfeito prefeito. Mas… e a Lei Cidade Limpa? E seu eleitorado? Vai mandar beijinho no ombro pra tudo?

Doria já demonstrou o que um ‘não político’ pode causar de alvoroço dentro do próprio partido. Na mais recente presepada pelo desconhecimento da liturgia anunciou que iria congelar as tarifas de ônibus sem ter avisado o padrinho Geraldo Alckmin. Assim como está fazendo com a questão dos limites de velocidade, não se espantem se daqui algum tempo Doria ‘repense’ essa sua promessa.
****
Fonte:http://www.diariodocentrodomundo.com.br/o-aceno-de-doria-aos-ciclistas-e-estelionato-eleitoral-em-cima-dos-coxinhas-por-mauro-donato/

Um comentário sobre “O aceno de Doria aos ciclistas é estelionato eleitoral em cima dos coxinhas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s